5 ameaças mais perigosas e como evitá-las

Há pouco mais de uma década, os jogadores eram aqueles adolescentes geeks que ficavam em seus quartos e jogavam o dia todo. Eles não eram exatamente considerados um subgrupo importante para quem quer ganhar dinheiro rápido ou roubar informações valiosas. Agora, porém, a indústria de jogos vale bilhões, e os jogos online são um grande passatempo mundial. Embora o jogo online seja ótimo para todos os envolvidos porque significa mais jogos excelentes e tecnologia melhor, infelizmente também atrai o tipo errado de atenção, incluindo ameaças perigosas.

A maioria das pessoas tentou pelo menos um jogo online na vida, seja no PC, console, celular ou jogos baseados na web, como os do Facebook. Qualquer plataforma que alguém escolha e quanto jogam por dia ou semana não é importante. O que é importante, entretanto, é o fato de que isso os torna um alvo para criminosos cibernéticos.

Aqui estão os 5 principais riscos que os jogadores (e os pais dos jogadores infantis) precisam ter em mente para que possam se preparar adequadamente. Não pense que isso não pode acontecer, porque esses tipos ou ameaças surgem mais e mais a cada dia. Em vez disso, esteja preparado, para que o foco possa permanecer em mover essa carga ou ganhar a vitória real.

1. Golpeando

Mesmo que pareça uma coisa insana que raramente acontece no mundo real, golpear se tornou uma parte infeliz dos jogos online. Às vezes, as pessoas simplesmente perdem a calma a ponto de querer vingança na vida real, embora desistir da raiva seja uma opção perfeitamente boa. Então, eles rastreiam o endereço IP de um jogador para descobrir onde ele mora e, em seguida, chamam as autoridades. Que às vezes termina em tragédia.

Solução: Use uma VPN enquanto joga para ocultar o endereço IP da rede e evitar que jogadores agressivos tirem proveito. O que é VPN? É uma rede privada virtual (fornecida por um serviço) que criptografa uma conexão e a envia através dos servidores VPN. Os usuários também podem escolher a quais servidores desejam se conectar – em qualquer lugar do mundo – o que também oferece outros benefícios. Leia mais sobre o que é VPN aqui: https://nordvpn.com/what-is-a-vpn/.

2. Ataques de phishing

Os cibercriminosos sempre procuram novas maneiras de atingir as pessoas com golpes de phishing, e as plataformas de jogos não estão imunes a isso. Já houve ataques de phishing mais do que suficientes a clientes como Steam, bate-papo do Xbox e Playstation Network para que as pessoas saibam que devem ter cuidado.

Solução: Ataques de phishing vêm em todas as formas e formatos, portanto, cuidado com qualquer mensagem suspeita de um estranho. Os invasores geralmente também visam os contatos da vítima por meio de sua própria conta, fazendo parecer que a mensagem vem de um amigo. Nunca clique em um link ou faça download de algo que um amigo enviou se for do nada. Fale com eles sobre isso primeiro para ter certeza de que é legítimo.

3. Bullying online

Trolls e agressores se tornaram um problema cada vez mais comum. Hoje em dia, é quase impossível jogar qualquer jogo online sem encontrar pelo menos um. Quase todo jogo online tem algum tipo de componente de comunicação, seja baseado em texto ou voz. Ver insultos e até mesmo alguns xingamentos é típico em ambientes altamente competitivos, mas alguns jogadores vão longe demais.

Solução: Infelizmente, a única solução verdadeira para esse problema é uma grande mudança cultural que pode ou não acontecer. Como um indivíduo, o máximo que alguém pode fazer é bloquear ou silenciar o jogador ofensivo e denunciá-lo aos desenvolvedores. Os pais devem sempre tentar limitar a exposição de seus filhos ao bate-papo online e ensiná-los a alertá-los instantaneamente se houver problemas.

4. Ofertas ilegais fraudulentas

Esse velho ditado – brinque com fogo e se queime se aplica muito bem a pessoas que procuram trapacear em jogos online. No entanto, a oferta atraente ainda existe e muitas pessoas (especialmente crianças) caem nela. Existem várias maneiras de trapacear, dependendo do jogo. Um método muito popular é por meio de bots e clientes de jogos modificados, que as pessoas baixam de sites incompletos. A questão é que muitos desses sites que alegam oferecer um bot ou cliente estão apenas vendendo malware.

Solução: Não caia na tentação. É simples assim. Jogue o jogo legitimamente, coloque um esforço real e git gud. Não há graça em ganhar se for trapaceado.

5. Aplicativos falsos

Como os jogos para dispositivos móveis se tornaram uma indústria em expansão, muitos golpistas se aproveitam da criação de aplicativos falsos. Esses aplicativos geralmente imitam jogos reais e parecem legítimos para quem não conhece nada melhor. No entanto, quando eles os instalam, normalmente fica óbvio que não são reais. No entanto, o dano já está feito – o smartphone ou tablet agora está infectado com malware.

Solução: Baixe apenas aplicativos de lojas legítimas como o Google Play. Em seguida, ainda examine cuidadosamente o aplicativo para ter certeza de que é de um desenvolvedor real e verifique as análises e as permissões do aplicativo primeiro. Se alguma coisa parecer suspeita, fique longe.

The Bottom Line

Jogar não deve ser uma tarefa árdua, então, felizmente, essas soluções não ocupam muito tempo. Mas só porque são simplistas e fáceis de seguir, não significa que não sejam importantes. Sempre leve as ameaças online a sério e tome as precauções necessárias para evitar quaisquer problemas no futuro.